Timing, o bem necessário

Às vezes a gente se questiona se ele vai chegar, – o amor. E aí a gente se pergunta se ele já não chegou e a gente deixou passar batido. Se a gente deveria ter se esforçado mais. Se deveríamos ter deixado entrar nas nossas vidas aquelas pessoas para as quais a gente fechou a […]

Leia Mais "Timing, o bem necessário"

Namore

Namore com a alma, com calma e com garra. Namore com certeza, nobreza e clareza. Namore com vontade e desejo. Namore com emoção, sentimento e tesão. Namore na saúde e na doença. Na riqueza e na pobreza. Na alegria e na tristeza, por mais clichê que pareça. Namore a amizade, o carinho, o laço. O […]

Leia Mais "Namore"

O que eu espero de você

Não faça promessas. Eu já me cansei delas. Sua intenção pode ser boa, mas pode ser que você não consiga cumpri-las. Faça, aja, realize, surpreenda. Isso vale mais que mil palavras. Também não queira agradar. Seja exatamente quem você é desde o primeiro dia. Eu posso  me assustar quando descobrir seu verdadeiro “eu”. Seja gentil, não […]

Leia Mais "O que eu espero de você"

RENA(SER)

“Coragem! Sou eu. Não tenhais medo” (Mc 6,50).

Coragem. Coragem para seguir em frente. Para não olhar para trás. Ou para olhar, se precisar. Coragem para desafiar. Para questionar. Para duvidar. Para falar. Para mudar o rumo. Para sair do prumo. Coragem para ter audácia. Para ter ambição. Para ter razão. Para enfrentar. Para brigar. Para abdicar. Para ter paz.  Coragem para ter coragem.

Não tenha medo. Não sinta pena de si mesmo. Não esqueça de quem você é. Do que você é feito, de onde você veio. Não esqueça do que te trouxe até aqui. Da sua caminhada. Da sua história. Das suas derrotas. Das suas vitórias. Não tenha medo de lutar. De perder. De ganhar. De ser de verdade. De amar. De se entristecer. De querer. De não querer. De dizer sim. De dizer não. De pedir perdão. De pedir ajuda. De alcançar o céu. De perder o chão.

Renasça. Amadureça. Se revigore. Reflita. Se apoie. Se encare. Se deixe. Se permita. Seja. Viva. Não deixe para ser amanhã o que pode ser hoje.  Não espere alguém perguntar por aquilo que você já sabe a resposta. Não deixe para trás aquilo que te importa. Não esqueça de amar quem te ama de volta. Não perca oportunidades. Seja bom. Seja gentil. Seja valente. Coerente. Reclame, mas busque uma solução. Não seja fanfarrão. Seja doce, leve. Tenha pureza nas suas brincadeiras. Não se iluda, mas não deixe de acreditar. Seja ingênuo, mas não seja burro. Busque a felicidade. A sua – com (as suas) verdades. Saiba quem você é. Nunca permita suposições. Não perca sua essência, sua crença. Não perca seu passo, sua dança.

Renasça. Faça o exercício diário, a lição de casa. Dê o seu melhor. Se esforce. Tente até onde não puder mais. Não espere que os anos passem. Não se arrependa. Aprenda. Não espere perder para reconhecer. Não espere ver para crer. Tenha fé – a sua, independentemente do seu Deus.

Se entregue. Aqui, você pode. Aqui você é. Aqui você faz. Você não tem asas, mas, acredite, você pode voar. 

Leia Mais "RENA(SER)"

É preciso ter coragem para amar em tempos de amor líquido

É preciso ter coragem para amar em tempos de amor líquido. Coragem para se entregar a uma pessoa só com tanta gente disponível. Com tanta facilidade e tecnologia. Coragem para confiar no meio de tanta mentira. Coragem para dedicar tempo, quando vivemos correndo contra o relógio. Coragem para aproveitarmos a vida, quando abdicamos dela para construirmos impérios. Coragem para conversas longas, quando resolvemos tudo por mensagens de texto. Coragem para viver o agora, quando já estamos vivendo o futuro. Coragem para sonhar, quando os sonhos já viraram metas. Coragem para ser louco em uma era em que é preciso ser judicioso. Coragem para ter paciência, quando não queremos perder tempo. Coragem para ouvir em tempos em que cada segundo vale dinheiro. Coragem para se calar, quando queremos ir às ruas gritar.

Coragem para fazer escolhas e não querer o mundo abraçar. Coragem para dividir em tempos em que ser feliz é sinônimo de egoísmo. Coragem para construir na era da desconstrução. Coragem para acreditar e não parecer bobo. Coragem para sorrir sem tirar a mão do bolso. Coragem para viver sem precisar mostrar ou provar para o outro. Coragem para se encantar com um comentário que não seja culto. Coragem para errar sem fraquejar. Coragem para mostrar afeição sem que isso pareça carência. Coragem para chorar sem parecer frágil. Coragem para acreditar sem parecer ingênuo. Coragem para questionar sem que isso pareça cobrança. Coragem para andar de mãos dadas sem necessidade de aliança. Coragem para sentir ciúme sem soar insegurança. Coragem para ter cuidado sem parecer criança. Coragem para se achar sem precisar se perder. Coragem para ser intenso na moda do desapego.  Coragem para se prender no abraço sem suplicar por liberdade. Coragem para sentir saudade sem parecer desespero.

É preciso mesmo muita coragem para viver um amor sólido, um amor louco. A gente quer ser demais, sendo de menos. Quer ser mais a gente, menos o outro. Será que vale a pena? Eu ainda prefiro amar, amar muito, de corpo e alma, dos pés à cabeça, de dentro pra fora, de fora pra dentro,  e ter borboletas no estômago a ter o zoológico inteiro. Porque no fim das contas, é só você contra você mesmo. E não tem nada melhor do que ter alguém para lutar e torcer por você na arquibancada da vida. Viver sozinho, para mim, não faz sentido.

Leia Mais "É preciso ter coragem para amar em tempos de amor líquido"